quarta-feira, 19 de julho de 2017

Banho de manhã ou à noite?

Há aquelas pessoas que tomam banho logo pela manhã, que gostam de ir trabalhar fresquinhas. Eu não sou dessas pessoas. Faço parte do grupo que prefere tomar banho ao fim do dia. Depois de vir do trabalho. E, principalmente, se for ao ginásio. Não vou tomar dois banhos por dia, haja água e gás para tanto banho. E nem pensar em acordar mais cedo do que o necessário para isso. É absolutamente impensável. Chego do trabalho cansada, a sentir-me suja e transpirada (claro que não trabalho num escritório, sentada, com ar condicionado...) do dia todo enfiada naquele armazém. O que me apetece é enfiar na banheira ao fim do dia! Ficar com a pele macia e cheirosa depois de um dia de trabalho é do melhor. Além de transpirar ao longo do dia, apanho muito pó. Já imaginaram o que é ir para a cama com aquela camada de porcaria em cima da pele e do cabelo? E vocês? De manhã ou à noite?

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Algarve #6

Últimas fotos da semaninha de férias.

Avó e neto na praia do Cabeço 

A minha mãe a jogar vólei com o meu filho


Pequenote a jogar vólei

O momento em que o meu pai adormeceu na cadeira ao sol 

O filhote a jogar raquetes

A mãe a jogar raquetes

Praia do Cabeço

Mais-que-tudo na praia do Cabeço

Lá fomos nós enfrentar as ondas do Cabeço

Hora de carregar o carro de volta

Última selfie no Algarve

O meu pai a tentar encaixar tudo na bagageira

À saída do Azinhal, a família completa, na viagem de volta

Os avós com o neto na pausa da viagem de regresso a casa

Nós e o pequeno a fazer uma pausa na viagem

domingo, 16 de julho de 2017

Na Cozinha da Cy #28

Docinho de nata com laranja

Simples, simples. Basta bater natas com um pouco de açúcar até ficar cremoso e colocar nas tacinhas uma camada de natas, uma de laranja aos gomos (ou qualquer outra fruta à vossa escolha) e mais uma camada de natas. E enfeitar ao vosso gosto!

Séries terminadas

Já falei aqui do sabor agridoce que tem o fim de uma série. O sentimento é sempre o mesmo. Claro que acompanho imensas e há sempre novas a surgir, mas uma não substitui a outra e cada final traz esta sensação de alegria pelo desfecho, misturada com a nostalgia de saber que não vou acompanhar mais nada da vida daquelas personagens. Porque quando termina uma temporada, sabemos que, mais tarde ou mais cedo, elas voltam (e já tenho algumas em espera ansiosa para saber a continuação!). Uma tolice, eheh! Mas é inevitável. Entre ontem e hoje acabei mais duas séries. Uma delas foi a Pretty Little Liars, que, verdade seja dita, já podia ter acabado há bastante tempo (não me interpretem mal, vou sentir saudades na mesma!) e era impossível, penso eu, trazer mais uma reviravolta à história. É daquelas séries difíceis de explicar, porque acontece tanta coisa e tem tantas mudanças e personagens sempre a aparecer. A outra foi a Switched at birth, uma série fofinha, cheia de emoções e dramas reais, que me tocou no coração e que foi difícil ver chegar ao fim. Agora ando a actualizar-me em Walking Dead. Acompanhei até à temporada 5 e depois comecei a cansar-me, mas decidi voltar a dar-lhe uma oportunidade e, durante as férias no Algarve, retomei no ponto onde deixei. Papa-séries em acção!

sábado, 15 de julho de 2017

Algarve #5

Mais umas fotos na praia de Monte Gordo com a família.










 





O primeiro beijo


Um destes dias, ao assistir a um episódio da série The Goldbergs, senti-me nostálgica. Que é algo que me acontece com relativa frequência ao ver esta série, passada nos anos 80. Eu cresci nos anos 90, mas há uma quantidade de coisas que me relembram a minha infância. Nesse episódio, falavam sobre o primeiro amor, o primeiro beijo. E eu lembro-me do meu, com quem foi e onde foi. Passou-se na escola, quando eu tinha 14 anos, com um miúdo chamado Tiago e que era dois anos mais novo do que eu. Tivemos um namorico inocente de um mês e aquele primeiro beijo sabia a pastilha elástica. Foi o único rapaz da escola com quem tive alguma coisa, apesar das paixonetas por um ou outro ao longo do tempo. E vocês, lembram-se do vosso primeiro beijo? Contem-me tudo.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Algarve #4

Hoje deixo-vos com algumas fotos tiradas na praia de Monte Gordo, dos primeiros dias, antes de começar a levantar-se o vendaval que se fez sentir nos meus últimos dias de férias.



















Locais a conhecer #1

Restaurante O Tascão

Este restaurante é pequenino, costumava ser uma tasca mesmo. E visto assim de fora, não parece muito apelativo, eu sei. Mas digo-vos uma coisa... o choco frito neste restaurante é de comer e chorar por mais. É absolutamente maravilhoso. Não consigo comer mais nada lá, porque o choco é tão divinal, que tenho que pedir sempre aquilo! Mas pessoas que já lá comeram outros pratos, dizem que são igualmente bons. Está recomendadíssimo. Fica na Rua dos Lusíadas, número 8, Pinhal Novo. Já agora, a sangria por lá também é muito boa!